Está sou eu

Sou caçadora do amor verdadeiro, 

do olho no olho, do desejo , 

da lealdade e da cumplicidade. 
Mas todas nós sabemos que as pessoas que perseguem ideais, às vezes são pegas pelas contingências da vida. É um risco. Mas ainda assim vivo em função de concretizá-los. E por isso consigo.
Pode ser assim também com o desejo de um amor verdadeiro. Esse amor normalmente tem um preço. Mas não tenha medo de valores! Apenas saiba que eles existem e esteja pronta para pagá-los. 
Muitas pessoas evitam o desejo de amar e serem amadas  por causa do medo dos custos. Mas para mim, enterrar o que pode ser é o maior custo de todos. 
É uma armadilha acreditar que se entregarmos o nosso coração mais uma vez, os nossos problemas começarão.  
Acredito que todos nós desejamos viver o amor real, sem máscaras, sem mentiras e sem traições. 

É um sonho talvez, ou algum tipo de prêmio que quem sabe um dia alcançaremos.
Paira na mente de quem sonha viver um grande e eterno amor.  Uma junção de corpos de uma maneira mais profunda. Queremos  não apenas descobrir os desejos do outro, mas também que os desejos dele como os nossos sejam tatuados na alma de quem chega para ficar e que essa tatuagem seja o nosso nome.
Talvez o preço de um amor verdadeiro seja muito alto, e até agora estejamos nessa busca porque estamos aceitando qualquer pechincha.
 Estamos dispostas a vender nosso maior e mais complexo sentimento para colecionadores e usurpadores de ilusões. 
Às vezes, nessa busca desenfreada pelo outro acabamos por cair em ciladas. Se buscarmos o que nos impele o nosso coração, a toda hora e a todo novo encontro estaremos gerando desencontros deixando para trás o que antes era muito precioso, o nosso eu, as nossas vontades , os nossos desejos e os nossos sonhos. 
Esse é um risco bastante assustador não é , vender a nossa alma para mais um mercador inescrupuloso?
Amiga,  realizar esse desejo tem um custo alto que nem todos estão dispostos a pagar: fidelidade, enterro do ego, verdade e dedicação entre outros. 
Mas que tal não alcançá-lo nunca? Isso pode ser muito caro também.

Raramente o que vale a pena vem de graça. 
É preciso deixar ir o passado e acreditar que é possível. Não existe outra forma de ser feliz que não seja arriscando. Contudo é preciso saber a hora certa de abandonar o trocado que nos está sendo dado em troca do amor sem medida que  entregamos. 
Amar e ser amada muitas vezes requer mudança e, embora uma mudança possa ser momentaneamente desconfortável, também pode ser surpreendentemente compensadora.
Não desista diante dos desencontros, mantenha o foco, não barganhe, mesmo que o preço de um amor verdadeiro seja um tempo de espera um pouco maior do que você deseja, continue porque quando ele chegar o tempo irá parar para que você possa vivê-lo intensamente. ~Liliane Ribeiro
Foto de Marcia Pérola seguidora da página.

Publicado por

Papo Reto com Liliane Ribeiro

Conselheira, espírito nômade, mediadora, inovadora, despudorada e bem-humorada é assim que me auto-defino. Escrevo o que sinto e o que penso sem a preocupação de agradar ao leitor. Escrevo para seres humanos que amam e querem ser amados sejam eles homens , mulheres, heterossexuais, homossexuais, trans, ricos ou pobres. A linguagem do amor é universal ela não faz distinção de pessoas, basta estar vivo para morrer de amor. Talvez seja exatamente por isto que as pessoas se identificam com a minha linguagem. O meu objetivo é empoderar pessoas para que elas não caiam nas ciladas que a paixão nos prepara e se caírem, que se levantem o mais rápido possível para seguirem a viagem insólita que é a busca do par perfeito.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s