ÀS MINHAS PERDAS

Eu não aceito com tranquilidade as despedidas, mas sei como relacionamentos funcionam.

Toda perda é difícil. Faz parte da vida mesmo quando ela nos atinge pessoalmente.

Quando eu entendo isso, que nem todas as despedidas são pessoais, entendo que minha vida funciona. Na maioria das vezes, mais do que funciona, é divertida, cheia de camadas de conexões, interesses e amor.

Eu vejo como as minhas separações não me diminuíram.

Quando eu não privilegio ser indesejada, eu fluo. #LilianeRibeiro

#dicadeleitura #leiamais #livro #Livros #empoderamento #relacionamentoadois #BienalSP #mulher #modablogueira #moda #make #Flip #paporetoliliane

Publicado por

Papo Reto com Liliane Ribeiro

Conselheira, espírito nômade, mediadora, inovadora, despudorada e bem-humorada é assim que me auto-defino. Escrevo o que sinto e o que penso sem a preocupação de agradar ao leitor. Escrevo para seres humanos que amam e querem ser amados sejam eles homens , mulheres, heterossexuais, homossexuais, trans, ricos ou pobres. A linguagem do amor é universal ela não faz distinção de pessoas, basta estar vivo para morrer de amor. Talvez seja exatamente por isto que as pessoas se identificam com a minha linguagem. O meu objetivo é empoderar pessoas para que elas não caiam nas ciladas que a paixão nos prepara e se caírem, que se levantem o mais rápido possível para seguirem a viagem insólita que é a busca do par perfeito.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s