Estou ciente de que existem coisas na vi

Estou ciente de que existem coisas na vida que você não pode controlar e coisas que você não pode realmente mudar, mas também sei que esses obstáculos estão em sua vida para que você possa encontrar uma maneira de contorná-los, para descobrir uma nova maneira de chegar ao seu destino sem fazer o backup. Eles estão lá para que você possa aprender como continuar se movendo em vez de ficar parada.

Não sei se existe um manual que ensina a manobrar esses obstáculos, mas sei que às vezes você pode ter que escrever seu próprio manual. E eu não sei se você vai dominar ou aperfeiçoar a arte de penetrar esses obstáculos, mas eu sei que toda vez que você tenta, uma nova rua se abre, você percebe um novo sinal, você encontra uma nova direção, você vê um poste de luz que ilumina o caminho e mostra o que está à sua frente. Você descobre algo que torna a jornada um pouco menos aterrorizante.

Você aprende que sempre há algo melhor esperando por você depois de cada obstáculo. Um pequeno desvio que leva você a um caminho totalmente novo que teria ficado fora de vista se você tivesse parado. Você acaba aprendendo que as barreiras não estão tentando arruinar sua vida, elas estão tentando levá-lo para outra direção que o aproxima de onde você realmente pertence.

Publicado por

Papo Reto com Liliane Ribeiro

Conselheira, espírito nômade, mediadora, inovadora, despudorada e bem-humorada é assim que me auto-defino. Escrevo o que sinto e o que penso sem a preocupação de agradar ao leitor. Escrevo para seres humanos que amam e querem ser amados sejam eles homens , mulheres, heterossexuais, homossexuais, trans, ricos ou pobres. A linguagem do amor é universal ela não faz distinção de pessoas, basta estar vivo para morrer de amor. Talvez seja exatamente por isto que as pessoas se identificam com a minha linguagem. O meu objetivo é empoderar pessoas para que elas não caiam nas ciladas que a paixão nos prepara e se caírem, que se levantem o mais rápido possível para seguirem a viagem insólita que é a busca do par perfeito.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s